Cuiabá, 08 de Agosto de 2022

Netflix divulga pôster da 2ª temporada de Round 6

A Netflix anunciou divulgou neste domingo (12) o pôster oficial da segunda temporada de Round 6.

Os produtores da série sul-coreana ainda não divulgaram a data de estreia, mas dizem que será “em breve”. Junto ao novo pôster, a Netflix divulgou ainda uma nota do diretor e roteirista da série, Hwang Dong-hyuk, com mais detalhes sobre a continuação da trama.

 

“A temporada 1 de Round 6 levou 12 anos para ser produzida, mas se tornou a série mais popular da Netflix em apenas 12 dias. Como roteirista, diretor e produtor de Round 6, agradeço a todas as pessoas, do mundo todo, que assistiram e gostaram da série. Obrigado! Agora, Gi-hun está de volta. O líder está de volta. A temporada 2 estreia em breve. O homem de terno com o ddakji pode voltar. Você também conhecerá o namorado de Young-hee, Cheol-su. Prepare-se para mais um round!”

 

Internada, Joelma passa por bateria de exames e descobre motivo de inchaço

Internada desde a última segunda-feira, 6, no Hospital São Luiz, em São Paulo, a cantora Joelma passou por uma série de exames e nesta quinta-feira, 9, o seu diagnóstico foi divulgado. No fim de maio, a artista preocupou fãs após aparecer inchada em um show que realizou em Parauapebas, no Pará, e, como já testou positivo quatro vezes para a Covid-19, ela decidiu fazer um check-up. No boletim médico, foi informado que “durante os exames, a cantora foi diagnosticada com um quadro de esofagite, gastrite e um edema, complicações possivelmente decorrentes da infecção pelo coronavírus”. 

Ainda de acordo com o boletim, “durante a internação, houve melhora significativa do quadro de edema”, que é o inchaço causado por excesso de líquido retido nos tecidos do corpo. Joelma se recupera bem e a previsão é que ela receba alta neste fim de semana. No entanto, por orientação médica, “ela deverá permanecer de repouso em casa por mais sete dias com alimentação adequada e os cuidados necessários”. O boletim foi assinado pela cardiologista Ludmilla Hajjar. Os próximos shows da cantora, marcados para acontecer nas cidades de Alvorada (TO), São Desidério (BA) e Cordeirópolis (SP), foram cancelados.

 

Por JP News

Como Stranger Things trouxe uma música de 37 anos atrás de volta às paradas de sucesso

Mesmo quem ainda não viu a primeira parte da quarta temporada de Stranger Things deve ter percebido que a música “Running Up That Hill”, de Kate Bush, viralizou. A música é a favorita da personagem Max, interpretada por Sadie Sink, e aparece em vários momentos importantes durante a temporada.37 anos depois do seu lançamento, a música foi parar entre as mais ouvidas nas plataformas digitais.

A canção conquistou o primeiro lugar no iTunes Global e no Spotify Global, além de garantir o primeiro top 10 na carreira de Kate Bush. No Brasil, “Running Up That Hill” ficou entre as dez mais ouvidas no Spotify, tornando-se a primeira faixa do século passado a entrar no topo do ranking. Segundo a Billboard, a música teve um aumento de 8700% de reproduções globais em comparação a um dia antes da estreia da quarta temporada de Stranger Things.

A própria Kate Bush usou seu site oficial para agradecer o apoio dos fãs da série e disse que está ansiosa para os próximos episódios, que chegam em julho.

Ouça:

 

 

Por CNN Brasil

MP apura show de R$ 1,2 milhão de Gusttavo Lima contratado por prefeitura de MG

O Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) instaurou, nesta sexta-feira (27), um procedimento para verificar se existem elementos para uma investigação sobre as despesas da 30ª Cavalgada do Jubileu do Senhor Bom Jesus de Matozinhos, pela Prefeitura de Conceição do Mato Dentro, no interior do estado.

No evento, o cantor sertanejo Gusttavo Lima foi contratado por R$ 1,2 milhão. Além dele, também estarão no evento Bruno e Marrone por R$ 520 mil; Israel e Rodolffo por R$ 310 mil; Di Paulo e Paulino por R$ 120 mil; João Carreiro por R$ 100 mil; e Thiago e Jonathan por R$ 90 mil.

No total, foram gastos R$ 2,3 milhões de reais pela cidade que possui uma população de 17 mil pessoas, de acordo com estimativa do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no ano passado.

Procurada pela CNN, a administração municipal informou que os processos de contratação dos artistas “foram realizados dentro da legalidade, conforme a Lei Federal 8666/93”.

Justificando os gastos, a prefeitura alega que “não há restrição para uso dos recursos da Compensação Financeira pela Exploração Mineral [CFEM] em ações, projetos e eventos que tragam melhoria para a qualidade de vida dos moradores locais.”

“Eventos que tragam melhoria na vida da comunidade e ou investimento para o desenvolvimento econômico da cidade, são gastos advindos do turismo, para atrair turistas fazendo assim que a cidade receba de volta o investimento em quase que na sua totalidade em geração de renda”, continuam.

CNN procurou a assessoria de Gusttavo Lima para comentar o assunto e aguarda uma resposta.

Investigação em Roraima

Em Roraima, o Ministério Público também abriu um procedimento para apurar um show de Gusttavo Lima, na cidade de São Luiz, em que foram empenhados R$ 800 mil.

O município, localizado ao sul do estado, possui uma população de 8.232 habitantes, segundo projeção do IBGE. No Censo 2010, a população de São Luiz era a menor entre as 15 cidades de Roraima.

Considerando os 8.232 habitantes do município, seria como se cada morador de São Luiz tivesse pagado R$ 97,18 por um ingresso para assistir à apresentação do artista. A apresentação está marcada para dezembro, em uma feira de agronegócios.

Procurada pela CNN para comentar o assunto, a assessoria do cantor enviou uma nota assinada pelo advogado Cláudio Bessas, na qual afirma que “toda contratação do artista por entes públicos federados, são pautados na legalidade, ou seja, de acordo com o que determina a lei de licitações”.

Disse também que a equipe do artista não compactua com “ilegalidades cometidas por representantes do poder público, seja em qualquer esfera.”

Polêmica

A contratação de artistas sertanejos por prefeituras está no centro do debate cultural no Brasil depois que o cantor Zé Neto, da dupla com Cristiano, criticou, durante um show em Sorriso (MT), os artistas que se apresentam com verbas da Lei Rouanet.

A apresentação ocorreu no dia 12 de maio.

Por CNN Brasil

Loubet promete agitar a abertura do 7º Festival de Pesca de Acorizal

A pescaria será no domingo (29) com baterias para adultos e crianças

Robson Fraga

O 7º Festival de Pesca de Acorizal (69,6 km), marcado para acontecer de 27 a 29 de maio, promete muita música, esporte e, é claro, pescaria.

A abertura, na próxima sexta (27), será ao som do cantor sertanejo Loubet, atração nacional que promete agitar a galera com sucessos como Muié, Chapeu e Butina; Mande in Roça: Muié Brava; Anticorpos; Naturalmente; Tá Rodada; Barraqueira e Batom Vermelho.

No mesmo dia, a Banda Novo Som traz a riqueza da música regional com o melhor do do lambadão, a partir das 2h.

No sábado (28), tem a final do Campeonato de Futebol Society, às 14h, no Complexo Esportivo Zezinho Gusmão. À noite, música com a dupla paulista Cesinha & Matheus seguida da Banda Mega Som.

A cereja do bolo fica por conta da pescaria no domingo (29). Às 7h10m, tem vistoria das embarcações e às 8h acontece a grande largada da pescaria embarcada. A bateria mirim vai das 8h30 às 10h. O encerramento acontece às 14h. A premiação está marcada para às 18h.

Tem ainda voleibol a partir das 7h30. Às 10h, o Acorizal Moto Fest.

Para encerrar a festa, show com Lambasaia, das 22h à 0h, tocando os melhores hits das décadas de 1980 e 1990, e a Banda Chamegar, da 0h  às 4h.

“Queremos oferecer um pouco de alegria à nossa população depois de tanto sofrimento causado perla pandemia da covid-19. Além disso, trazer o turista de volta à Acorizal reinserindo nosso município no roteiro turístico de Mato Grosso, o que gera emprego e renda para nossa população. Esperamos que seja uma grande festa; nosso povo merece!”, disse o prefeito Diego Taques (PSD).

O 7º Festival de Acorizal é uma realização da prefeitura através da Secretaria Municipal de Turismo com apoio da Secretaria de Agricultura, Assistência Social, Cultura e Lazer, Câmara Municipal e do Governo de Mato Grosso, através da Secretaria de Esportes, Cultura e Lazer.

 

Teatro Zulmira Canavarros recebe Coro Experimental MT nesta quinta

O Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros recebe nesta quinta-feira (19), o espetáculo musical A Tempo. A apresentação, que tem por inspiração o tempo, traz novos arranjos para clássicos atemporais como Tempo Perdido, de Renato Russo, e Time after time, de Cindy Lauper.

A apresentação se confunde com a própria história do coro - criado em 2017 para participar de uma apresentação em homenagem aos 130 anos de Heitor Villa-Lobos, o Coro Experimental MT já nasceu com o desejo de ousar novas formas de fazer canto coral. O espetáculo “A Tempo” estreou em outubro daquele ano.
Nesses cinco anos, o grupo – sempre sob a direção e regência de Jefferson Neves e Tuanny Godoi – passou por muitas mudanças, mas manteve sua essência e se consolidou como um coro independente. Novos coralistas chegaram, alguns deixaram o grupo e vários – como filhos pródigos – retornaram. Há também integrantes que permanecem desde o começo, como a cantora Vera Capilé.
Nesse clima de encontros e despedidas, nada mais natural do que oferecer ao público a oportunidade de matar as saudades de “A Tempo”, que volta renovado, mais leve, divertido e dinâmico, com novas canções e solos de integrantes do coro.
“Um dos principais motivos de refazermos este espetáculo é o repertório selecionado e a saudade de nosso primeiro show. ‘A Tempo’ tem uma importância especial em nossa história, pois foi através da realização desse show que tivemos a certeza de que poderíamos ser independentes e de que estávamos preparados para enfrentar qualquer desafio”, afirma Neves.
“Apresentar novamente ‘A Tempo’, principalmente após um longo período de pandemia em que estivemos impedidos de estar em contato com o público, é uma forma de celebrar. Afinal, estamos completando cinco anos do Coro Experimental MT, com a apresentação de shows temáticos e originais em que compartilhamos o prazer de estar no palco, interpretando as canções que nos tocam”, completa ele.
O regente lembra que o tempo é um tema universal e sempre atual, o qual permite várias reflexões - explorado com maestria por poetas, escritores e compositores que serão lembrados no palco.
A lista é grande e contempla Mário Quintana, José Saramago, Lorenzo Falcão, Lulu Santos, Tulipa Ruiz, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Eduardo Gudin, Paulinho Moska, Moisés Martins, Pescuma e Roberto Lucialdo, entre outros.

Assembleia Social
Espaço cultural da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, o Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros está sob a gestão da Assembleia Social (Coordenadoria de Integração, Cidadania e Cultura da ALMT).
“Por meio do Teatro Zulmira Canavarros, além de oferecer cultura, viabilizamos também parcerias para o desenvolvimento de ações sociais, a exemplo do ingresso solidário para a apresentação do Coro Experimental MT, ao qual temos a grata satisfação de receber em nosso palco”, assinala Daniella Paula Oliveira, coordenadora da Assembleia Social.
Os alimentos arrecadados com a 'meia solidária' serão destinados a instituições filantrópicas atendidas pela AL Social.

Serviço
O quê: Espetáculo “A Tempo”, com roteiro, direção musical e cênica de Jefferson Neves. Regência: Jefferson Neves e Tuanny Godoi.
Quando: 19 de maio de 2022 (quinta-feira), às 20h
Onde: Teatro do Cerrado “Zulmira Canavarros” (ALMT)
Quanto: Ingressos a R$ 40 (inteira) e R$ 20 + 1 kg de alimento não perecível (meia solidária).
Venda antecipada no link https://www.sympla.com.br/show-a-tempo__1576781
 

Venda antecipada no link https://www.sympla.com.br/show-a-tempo__1576781 

Davi Valle

Carnaval fora de época reúne mais de 10 mil pessoas em noite de folia na Praça da Mandioca

Durante a festividade, 12 blocos e duas escolas de samba encantaram o público com os belíssimos desfiles e apresentações

EMILY MAGALHÃES

Por Prefeitura de Cuiabá

O Festival de Cultura Popular que ocorreu no último sábado (14), foi um verdadeiro sucesso reunindo mais de 10 mil pessoas no entorno da Praça da Mandioca, no Centro Histórico de Cuiabá. O Carnaval cuiabano fora de época foi realizado pela Prefeitura de Cuiabá, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer. 

“Foi um dia memorável da nossa cultura cuiabana, depois de dois anos de pandemia retomamos o Carnaval mesmo que seja fora de época. Os cuiabanos gostam de Carnaval e são um povo alegre, então essa festa da Cultura Popular é a nossa apoteose da alegria e da vitória contra uma pandemia que castigou muito a cidade. Então, precisávamos desses eventos que chamam a população para se divertir de uma forma ordeira e segura, e a Praça da Mandioca é um palco especial, tem história, tem memória e hoje está cheia com a grande festa da nossa folia cuiabana”, destaca o secretário Aluízio Leite.

Durante a festividade, 12 blocos e duas escolas de samba encantaram o público com os belíssimos desfiles e apresentações. Foram eles: Bloco Oh Povo Feio Raiz, Bloco Oh Povo Feio 10, Bloco Duque Folia, Unidos do Duque, Nação Rubro Negra, Explosão de Cuiabá, Unidos do Carumbé, Boca Suja, Império de Casa Nova, Tradição do Araés, Unidos Do Araés, Divas, Império de Angola e Paiaguás. A Banda Saca Rolha levou muita animação cantando as marchinhas de Carnaval.

“Agradeço a Deus por nos dar saúde para estarmos aqui nesse momento. Foram momentos difíceis de pandemia, perdemos muitos amigos e parentes. Hoje é uma satisfação enorme para toda a comunidade do Cidade Alta, pois há tempos nós buscamos uma alternativa de vir para o desfile. Todos estão muito felizes de podermos apresentar o que fazemos, pessoas simples, humildes e trabalhadoras que gostam de Carnaval. Nesse momento, só temos a agradecer as portas que foram abertas pela Prefeitura e pelo povo cuiabano”, disse Paulo Cesar ‘Gatão’, do bloco Oh Povo Feio.

A segurança do local foi reforçada com a presença da Polícia Militar, equipe médica para casos de emergência. A Semob fez o controle do tráfego e as interdições necessárias próximas aos pontos de acesso da área do evento. A Secretaria de Ordem Pública também realizou fiscalizações no local.

No festival, os foliões puderam ainda apreciar comidas típicas, quitutes e bebidas vendidas por barracas e comerciantes locais. “Realmente a organização do evento ficou impecável, nota 10. Segurança, comércio, praça de alimentação, tudo muito bem organizado pela Secretaria de Cultura. Eu como idealizador do Carnaval da Praça Mandioca, realizado há 35 anos, estou muito orgulhoso de estarmos voltando e que ano que vem possamos voltar com força total”, pontuou Marcos Araújo, proprietário do Bar do Araújo.

Após dois anos da pandemia da Covid-19, o Marcos Freiras, finalmente pode levar a filha, a Maria Luísa de apenas três anos, ao primeiro Carnaval.  “É uma alegria muito grande podermos voltar a curtir depois da pandemia, foram dois anos sem o Carnaval e hoje estamos voltando com muita alegria. É o primeiro Carnaval da minha filha, que veio curtir e conhecer essa linda festa”, contou.

O senhor Augusto Amaro, de 72 anos, folião de longa data, também comemorou o retorno do Carnaval na Praça da Mandioca. “Eu gosto de Carnaval em qualquer lugar, já fui mestre-sala e hoje vim curtir essa linda festa. A organização está muito boa e a Praça da Mandioca é um lugar da família cuiabana, é um prazer ter essa festa aqui”, festejou.

Além de tudo isso, o evento ainda contou com a participação especial da operadora de limpeza pública, Sibele Ferreira, que ficou conhecida como a ‘gari lambadeira’ e da mãe, Dinalva Souza. Sibele, que virou sensação após um vídeo em que aparece dançando durante o Festival Matula viralizar nas redes sociais, recebeu durante o Carnaval o título de ‘Miss Cultura Popular’ e desfilou ao som escola de samba, Império de Casa Nova.  

“Estamos muito felizes, depois desse dia maravilhoso com salão de beleza, unha, maquiagem, agora pudemos participar desse carnaval com muita alegria e samba no pé”, disse Sibele.

AL terá feira de produtos orgânicos aberta à população todas as sextas

Os produtos comercializados são oriundos da agricultura familiar. A feira vai funcionar das 7 às 16 horas, no estacionamento da Casa de Leis

Tem início nesta sexta-feira (13), às 7 horas, no estacionamento da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, a "Feirinha Legal" de fomento à agricultura familiar, com produtos naturais e orgânicos produzidos em diversos municípiosdo estado.

A feira é uma iniciativa da Mesa Diretora, por meio da deputada estadual Janaina Riva (MDB), em parceria com a Secretaria de Estado de Agricultura Familiar (Seaf) e acontecerá todas as sextas-feiras, das 7h às 16 horas, aberta a toda sociedade. No local estarão disponíveis frutas, verduras, legumes e folhosas orgânicas, diretamente da horta do pequeno produtor para a população.

A presidente em exercício da Assembleia Legislativa, deputada Janaina Riva, afirma que a ideia surgiu há pouco mais de um mês, quando viu os produtores da agricultura familiar expondo em um evento.

"Pensei: por que não organizar algo para que eles vendam o que produzem, diretamente à população, sem atravessador? Minha equipe começou a trabalhar nisso junto à Secretaria de Estado de Agricultura Familiar e chegamos inicialmente a um formato pequeno, com sete expositores, para  ver a adesão dos servidores em consumir os produtos, e da população em geral", afirma a deputada.

Dentre os municípios que estarão presentes estão Várzea Grande, Poconé, Livramento, Chapada dos Guimarães, Rosário Oeste, Jaciara, Dom Aquino, Planalto da Serra, Jangada e Cuiabá.

Defesa Civil convida população para observar o eclipse lunar que acontece nesse domingo (15) no Parque Tia Nair

O Instituto de Física da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) e o Clube de Astronomia de Mato Grosso convidam a todos para prestigiar o eclipse lunar que acontece no próximo domingo (15). A contemplação do fenômeno celeste ocorre, a partir das 21h30, no mirante do Parque Tia Nair. A ação conta com apoio da Prefeitura de Cuiabá, por meio da Defesa Civil e do Rotary Club de Cuiabá. 

O eclipse lunar total, que resulta no fenômeno conhecido como 'lua de sangue', é um fenômeno astronômico que acontece quando a Terra está posicionada entre o Sol e a Lua e bloqueia a chegada de luz até a superfície lunar. 

“O eclipse será visível em Cuiabá e começará às 21h32, com o início do eclipse penumbral, quando a sombra da Terra começará a cobrir a superfície lunar.  O eclipse completo terá início às 23h29, com sua parte máxima às 00h11 e término às 00h53”, explicou o organizador da ação, coronel Paulo Wolkmer.

“Será um evento espetacular onde a penumbra da Terra, a parte mais escura de sua sombra, cobrirá completamente a Lua.  Como uma Lua totalmente eclipsada geralmente é colorida de vermelho, os eclipses lunares totais também são chamados de Luas de Sangue”, acrescentou.

 

Fonte: Prefeitura de Cuiabá

Sexta-feira 13: Entenda por que a data é associada ao medo e ao azar

O Globo

Toda sexta-feira 13 é motivo de piadas nas redes sociais, mas há quem, de fato, leve a sério as superstições do dia que tem até nome em filmes de terror. Contudo, existem algumas explicações para o medo e a sensação de azar dessa data, que seguem tradições seculares, mitologias e referências bíblicas. No ano passado, o professor Luiz Antonio Simas ficou conhecido após fazer um ‘fio’ no Twitter justificando o que está por trás dessa combinação de dia e número, relembre a história.

Judas Iscariotes

 

Um dos motivos para o mal-estar com a sexta-feira 13, segundo Simas, pode ter origem no cristianismo, em uma referência a Judas Iscariotes. Na Santa Ceia, que aconteceu de quinta para sexta, Jesus estava acompanhado pelos doze discípulos, totalizando 13 pessoas, e Judas foi o último a chegar, além de ser o traidor.

Loki

Outra possibilidade diz respeito a história de Loki, deus das travessuras e trapaças. Ele era conhecido por ter perturbado um importante jantar em Valhalla, local paradisíaco da mitologia nórdica. Loki foi o 13° participante a chegar no banquete, causando um tremendo alvoroço que terminou na morte de Baldur, um dos doze deuses presentes no evento.

Cavaleiros templários

 

O dia 13 de outubro de 1307, uma sexta-feira, é lembrado pela prisão dos cavaleiros templários na França, reinada por Filipe IV. Como castigo, muitos foram queimados, como o grão-mestre dos templários, Jacques de Molay, que morreu em frente a catedral de Notre Dame.

Diz a lenda que, antes de morrer, De Molay teria amaldiçoado todo mundo, jogando praga em toda a humanidade, explicou o professor Simas.

 

Expoagro terá shows de "pisadinha", pagode e sertanejo em Cuiabá

A 54° edição da Expoagro, atração que reúne milhares de pessoas, estará de volta após cinco anos sem a realização de eventos com shows nacionais. A exposição que conta com rodeios, feiras técnicas, venda de bovinos e paineis voltados para  agronegócio acontecerá entre os dias 04 e 09 de julho.

As atrações para o "público em geral" começam a partir do dia 7, quando haverá abertura do rodeio e o primeiro show nacional. O show que "abrirá" a exposição será do cantor Zé Felipe, destaque no ritmo pisadinha, que tem feito sucesso nos últimos anos.

Alguns hits do cantor são 'Toma Toma Vapo Vapo' e 'Revoada no Colchão'. O segundo dia de atrações nacionais será de muito pagode, com Dilsinho, sucesso com a música 'Péssimo Negócio'.

Ainda no dia 8 de julho, subirá ao palco principal da Expoagro o grupo Sorriso Maroto. O encerramento das atrações será no sábado, dia 9 de julho.

A dupla sertaneja Henrique e Juliano, que emplacou diversos sucessos nos últimos anos, será a atração principal. Atualmente, a música sensação da dupla é 'A Maior Saudade', do album Manifesto Musical, lançado neste ano.

 

A Expoagro é organizada pelo Sindicato Rural de Cuiabá em parceria com a Musiva.

 

Fonte: Folhamax

 

No aniversário de 274 anos de MT , Biblioteca Estevão de Mendonça abre programação Especial

Da redação

É muito importante relembrar os momentos históricos de Mato Grosso, trazer à tona um pouco da construção do nosso estado, fazer com que isso esteja vivo na memoria do nosso povo, e esta semana será toda dedicada a Mato Grosso, cheia de comemorações, para que possamos assim evidenciar e honrar grandes homens e mulheres que construíram Mato Grosso”, destacou o secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Jefferson Neves, na abertura da programação que comemora os 274 anos de Mato Grosso na Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça.

A programação foi inaugurada nesta segunda-feira (09.05) com uma aula especial sobre Mato Grosso, comandada pelo professor de história Wilson Santos, que leciona desde 1981. “Eu estou deputado estadual, mas na verdade sou professor. Nada na vida me dá mais prazer do que lecionar, e falar sobre Mato Grosso é uma honra”, destacou o legislador.

Na terça-feira (10.05), às 9h, o Mestre em História e membro do Instituto Histórico e Geográfico de Mato Grosso, Suelme Evangelista Fernandes, apresenta a palestra Mato Grosso, sua História sua Gente.

Na quarta-feira (11.05), a partir das 9h, o público pode conferir contação de histórias com a pedagoga e escritora Alicce de Oliveira e apresentação cultural com o Grupo Tibanaré. Às 10h30, as atividades migram para o Cine Teatro Cuiabá, com uma sessão do curta-metragem Minhocão do Pari.

Para encerrar a programação em grande estilo, nada melhor do que um sarau. Na quinta-feira (12.05), a partir das 9h, ocorre o Momento Lítero-Cultural com muita música e literatura. O encontro será conduzido por membros da Academia Mato-grossense de Letras. São eles: Aclyse de Mattos, Agnaldo Rodrigues, Cristina Campos, Eduardo Mahon, Elizabeth Madureira, Lindinalva Rodrigues, Lorenzo Falcão, Lucinda Persona, Nilza Queiroz, Olga Mendes e Sueli Batista.

Todas as atividades são gratuitas e abertas ao público interessado. A Biblioteca Pública Estadual Estevão de Mendonça fica no Palácio da Instrução, no centro de Cuiabá. Mais informações pelo telefone 65 3613-9240.

 

 

Fatos e Fatos

O site Fatos e Fatos entende que estar preparado é também estar ciente do mundo que o cerca, dos temas que focam a atenção do público e dos fatos que determinam os destinos tanto da sua comunidade. Por isso, o nosso portal não se descuida da cobertura jornalística tradicional, abrangendo temas como Política, Economia, Cidades, Esportes, Tecnologia e Cultura. Essa preocupação faz com que o nosso site torne-se um ponto de informações, as mais diversas, e de pessoas interessadas em se formar e se informar, acreditando, como nós, que a valorização da Educação é a maneira mais eficiente e saudável de mudar o mundo.

Seções

NEWSLETTER

Inscreva-se agora para obter notícias exclusivas!